Skip to Content

O problema, as consequências e as soluções de testes rápidos

O vírus sincicial respiratório (VSR) é a causa mais comum de doenças respiratórias graves, como bronquiolite (inflamação dos bronquíolos), em crianças com menos de dois anos e de internações hospitalares decorrentes de doença respiratória aguda em crianças pequenas1.

Em países industrializados, o VSR é a principal causa de doença respiratória grave e da hospitalização de bebês e crianças pequenas2. Somente nos EUA, entre 85.000 e 144.000 bebês com infecção por VSR são hospitalizados a cada ano, resultando em 20% a 25% dos casos de pneumonia e em até 70% dos casos de bronquiolite2. A carga global de doença do VSR é estimada em 64 milhões de casos e 160.000 mortes por ano2.

O problema

Embora a maioria das infecções por VSR não leve a hospitalização, as infecções raramente são assintomáticas3,4. Sintomas como tosse, espirros e febre são similares aos de outras infecções respiratórias comuns. Os pacientes que apresentam esses sintomas geralmente são tratados empiricamente com antibióticos, sem um diagnóstico formal.

Embora não exista um tratamento específico para o VSR, o diagnóstico é muito importante. Um diagnóstico preciso permite que sejam tomadas medidas de controle de infecção e possibilita que o médico suspenda os antibióticos, que não são eficazes contra vírus.

Vírus sincicial respiratório (VSR)

As consequências

Diversos estudos documentaram que os médicos se sentem pressionados pelos pais para prescrever antimicrobianos para infecções respiratórias. A prescrição excessiva de antibióticos para doença viral é um fator que contribui para o aumento da resistência antimicrobiana entre os patógenos bacterianos encontrados em pediatria5. Bebês e crianças com infecção por VSR normalmente se recuperam em 1 a 2 semanas. Entretanto, mesmo após a recuperação, bebês muito pequenos e crianças com o sistema imunológico enfraquecido podem continuar a disseminar o VSR por 1 a 3 semanas6.

Se não for feito um diagnóstico adequado, talvez não sejam implementadas medidas adequadas de controle de infecção e as crianças infectadas poderão continuar a espalhar o vírus.

Testes rápidos

A detecção rápida e precisa do VSR facilita o tratamento clínico adequado, incluindo o uso criterioso de antibióticos7. O ID NOW™ (anteriormente, Alere™ i) oferece resultados de VSR molecular em 13 minutos ou menos em nossa plataforma exclusiva ID NOW™. Métodos laboratoriais tradicionais e o teste rápido de antígenos para o diagnóstico de VSR possuem falhas consideráveis em termos de tempo de resposta ou desempenho7,8. O teste ID NOW™ RSV permite a tomada de decisões clínicas em tempo real que afetam os cuidados com o paciente.

ID NOW RSV

Um diagnóstico específico permite que os médicos evitem submeter seus pacientes a testes desnecessários, e permite o início imediato da terapia adequada7,9.

O ID NOW™ RSV está aprovado pela CLIA!

A Abbott também oferece uma variedade de testes de fluxo lateral para ajudar nos diagnósticos rápidos de VSR, incluindo o BinaxNOW® RSV.

Explore o conteúdo e os vídeos relacionados

Testes precisos para o vírus sincicial respiratório (VSR)

Demonstração do produto ID NOW™ RSV

Webinar

Gerenciamento de um tesouro médico

Webinar

O impacto dos diagnósticos rápidos no manejo antimicrobiano